Boa tarde
Região EliasElias 15 Outubro 2021 (84)

Programa Se Liga na Rede faz ação em ruas dos bairros das Nações e Nova Esperança neste sábado

Teste de fumaça irá para detectar irregularidades e vazamentos na rede de esgoto

Programa Se Liga na Rede faz ação em ruas dos bairros das Nações e Nova Esperança neste sábado

A Empresa Municipal de Água e Saneamento de Balneário Camboriú (Emasa), por meio do Programa Se Liga na Rede, faz uma ação neste sábado (16) a partir das 8h, em algumas ruas dos bairros das Nações e Nova Esperança.

Devido a reclamações de mal cheiro nas localidades e análise prévia de sobrecarga na rede, será realizado o teste de fumaça, para verificar o funcionamento do sistema da rede coletora de esgoto na região. 

O teste de fumaça é uma técnica utilizada para detectar irregularidades e vazamentos na rede de esgoto. O teste é feito por meio do Poço de Visita (PV) da rede e uma fumaça especial, não tóxica, ou seja, que não representa risco à saúde, é injetada na rede para constatar as inadequações.

As irregularidades podem ser: água pluvial do imóvel conectada à rede de esgoto externa; ou problemas na própria rede de esgoto.

De acordo com a fiscal Sanitarista, Beatriz Nunes, os trabalhos não são executados dentro das propriedades, porém, a fumaça pode ser percebida dentro dos imóveis.

“A máquina é colocada no PV e observamos por onde a fumaça sairá, que pode ser pela calha ou alguma saída de esgoto dentro dos imóveis, quando o pluvial está ligado na rede de esgoto; ou nas bocas de lobo, quando é algum problema na própria rede”, explica a fiscal.

Caso o morador perceba a fumaça, deve abrir as janelas e chamar o técnico que estará acompanhando os trabalhos na rua.

A fumaça surge apenas durante o teste, nunca depois da avaliação.

No Bairro das Nações serão inspecionadas as ruas Portugal, Peru, Paraguai e Panamá (acima da Avenida Palestina); e no Bairro Nova Esperança as ruas José Honorato da Silva e José Alves Cabral.

Na próxima semana, algumas ruas do Bairro das Nações também irão receber vídeo inspeção para verificar possíveis irregularidades na rede de drenagem.

* Renata Furlanetto/Diretoria de Comunicação
Foto: Divulgação/Emasa

Notícias Relacionadas

Deixe seu comentário.


Politica de Privacidade