Boa noite
Eventos EliasElias 19 Agosto 2021 (139)

Globo Rural grava reportagem sobre o Produtor de Água

Kelli Dacol, servidora do município, participou das gravações em Balneário Camboriú e Camboriú

Globo Rural grava reportagem sobre o Produtor de Água

Nos dias 17 e 18 de agosto, Kelli Cristina Dacol, servidora da Prefeitura de Balneário Camboriú e atualmente Assessora Parlamentar do Gabinete do Vereador André Meirinho, foi entrevistada pelo repórter e apresentador do Programa Globo Rural, Nelson Araújo, e participou de gravações sobre o Projeto Produtor de Água do Rio Camboriú.

Kelli Dacol é Administradora Pública, Especialista em gestão de recursos hídricos, Mestre e cursa doutorado em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Socioambiental, foi idealizadora e participou da implantação do Projeto Produtor de Água do Rio Camboriú quando atuou na Empresa Municipal de Água e Saneamento de Balneário Camboriú.

O projeto iniciou com seu trabalho de conclusão de curso da graduação e teve sua participação direta por 10 anos. O tema de sua pesquisa da tese de doutorado também está relacionado, pois trata de regulação no setor de saneamento, soluções baseadas na natureza e segurança hídrica.

“Nelson Araújo demonstrou-se motivado pelo pioneirismo de um projeto de conservação de recursos hídricos com pagamento de serviços ambientais liderado por uma empresa de saneamento", disse Kelli.

"Ele realizou uma entrevista prévia por telefone, o que despertou seu interesse em gravar pessoalmente e conhecer as áreas do projeto, que atualmente ultrapassam 1.000 hectares de áreas conservadas, 70 hectares em restauração e inclui cerca de 160 nascentes”, completou.

A equipe do Globo Rural gravou imagens da rotina de trabalho da servidora no gabinete do vereador André Meirinho e nas áreas rurais do município de Camboriú, onde ficam as nascentes e é desenvolvido o projeto.

Além de Kelli, Nelson também entrevistou alguns participantes, produtores, o atual diretor da Emasa e a engenheira ambiental Rafaela Comparim.

O Produtor de Água do Rio Camboriú, criado através da Lei Municipal n.º 3.026, de 21 de novembro de 2009, desenvolve ações de conservação e restauração e utiliza o instrumento econômico denominado Pagamento por Serviços Ambientais para incentivar financeiramente os produtores e proprietários que adotam práticas conservacionistas na bacia do Rio Camboriú.

O projeto é desenvolvido pela EMASA em parceria com as seguintes instituições: Agência Nacional de Águas, Águas de Camboriú, Aresc, Comitê Camboriú, FUCAM, IFC, Prefeitura de Balneário Camboriú, Prefeitura de Camboriú, SDE e TNC.

O Vereador André Meirinho destaca que “o interesse do repórter do Globo Rural Nelson Araújo, que é referência no jornalismo técnico desta área, reforça a importância do projeto como modelo para o Brasil. Demonstra a importância de avançarmos nas políticas públicas de segurança hídrica e desenvolvimento sustentável".

"Parabenizo a minha colega de doutorado Kelli, que conseguiu conectar o debate acadêmico com a prática na administração pública com resultados efetivos para a sociedade”.

A reportagem tem previsão para ir ao pela Rede Globo de Televisão até o final de setembro. O programa é transmitido nas manhãs de domingo.
Produtor de água

* Elvis Roni Bucior/Assessor Parlamentar

Nelson Araújo demonstrou-se motivado pelo pioneirismo de um projeto de conservação de recursos hídricos com pagamento de serviços ambientais liderado por uma empresa de saneamento.

Notícias Relacionadas

Deixe seu comentário.


Politica de Privacidade